Quem somos...

Sakura Centro de Terapias Para poder realizar a sua Vida, na plenitude das suas capacidades, o Ser Humano tem o direito e o dever de se cuidar e de se preservar. Para tal, os cuidados preventivos, de tratamento e manutenção, com a Saúde, revestem-se de especial atenção. Sakura surge com o intuito de lhe oferecer um vasto leque de opções terapeuticas- bem estar, prevenção e tratamento

31 de maio de 2012

Perdão




O julgamento precipitado pode vir a ser o "fracasso da compreensão", porque perdoar é, acima de tudo, a habilidade de compreender dificuldades.

O autoperdão consiste em fazer o nosso melhor hoje, abandonar as mágoas do passado e curar as dores do presente e, ao mesmo tempo, legitimar nossos projetos de vida para o futuro.

O passado passou e o único momento que temos é o agora. Basta utilizarmos o perdão e, imediatamente, começaremos a sentir conforto e alívio, pois descarregamos os pesados fardos de culpa, vergonha e perfeccionismo.

Quando erramos, é necessário primeiramente admitir as nossas fraquezas e, em seguida, pedir aos outros que relevem nossas falhas. Somente a partir desse ponto, é que começamos a desfazer as técnicas defensivas e a facilitar a boa comunicação, evitando, assim, a morte do diálogo reconciliador.

O autoperdão é um estado da alma que emerge de nossa intimidade, fazendo-nos aceitar tudo que somos sem nenhum prejulgamento. É quando passamos a entender que nossos aparentes defeitos são, só e exclusivamente, potenciais a ser desenvolvidos.

Por sinal, o julgamento precipitado pode vir a ser o "fracasso da compreensão", porque perdoar é, acima de tudo, a habilidade de compreender dificuldades.

À medida que perdoamos nossos desacertos, começamos também a perdoar as faltas dos outros. Quanto mais compreendermos o outro, avaliando e validando o que ele pensava e como se sentia na hora da indelicadeza, mais facilmente aprenderemos a nos perdoar. O ato do não-perdão a nós mesmos nos acarreta a permanência nas sensações desagradáveis e nas energias negativas - resquícios dos dissabores e desencontros da vida.

Perdoar-nos leva ao cultivo do amor a nós mesmos e, por conseqüência, aos outros; enfim, é a base que mantém a humanidade íntegra e solidária. O autoperdão nos conduz à aceitação plena de nossas potencialidades ainda não desenvolvidas - seja de natureza intelectual, seja de natureza psíquica e emocional - e a uma compreensão maior de que as experiências evolutivas nada mais são que a soma de acertos e erros do passado e do presente.

Os erros acabam-se transformando em lições preciosas e deles podemos retirar as bases seguras para o êxito no futuro.

"Deus não age jamais por capricho e tudo, no Universo, está regido por leis em que se revelam a sua sabedoria e a sua bondade."

"A sabedoria e a bondade de Deus" se refletem constantemente nos atos e atitudes de Jesus de Nazaré. No episódio ocorrido na casa do fariseu Simão, uma prostituta atirasse aos pés do Mestre, cobrindo-os de beijos, lavando-os com suas lágrimas, enxugando-os com seus cabelos e untando-os com um óleo perfumado. Ela é perdoada incondicionalmente: "(...) seus numerosos pecados lhe estão perdoados, porque ela demonstrou muito amor. Mas aquele a quem pouco foi perdoado mostra pouco amor"2.

Deus estava com Jesus e Ele com o Pai; por isso amava, perdoava, estimulava e incentivava a todos sem qualquer distinção.

A Bondade e a Sabedoria Providencial está e sempre esteve nos amando e perdoando, não importa o grau da escala evolutiva em que estamos situados ou o que estejamos fazendo. O amor o da Misericórdia Divina é incondicional - não depende de nenhum tipo de restrição ou limitação. Ama, simplesmente por amar.

Uma introspecção a respeito desse amor incondicional que a Divindade tem para conosco é extremamente importante para o autoperdão. Se Deus nos ama e nos aceita como somos hoje, por que haveríamos de tomar uma atitude contrária à postura divina?

Entretanto, o autoperdão não significa paralisarmos nossas atividades evolutivas, acomodando-nos em nossas deficiências, fragilidades ou incapacidades, mas, sim, libertar-nos dos fardos pesados da autopunição que carregamos desnecessariamente.

O autoperdão nos traz paz de espírito, habilidade para amar e ser amados e possibilidades para dar e receber serenidade. Ele nos livra do cultivo de uma fixação neurótica em fatos do passado, o qual nos impede o crescimento no presente.

Perdoar-nos elimina a idéia fixa no remorso por algo que aconteceu ontem e a ansiedade do que poderá ser revelado ou vir a acontecer amanhã.


Texto Extraído do Livro: "Os Prazeres da Alma" de Hammed.
Psicografado por: Francisco do Espírito Santo Neto.

30 de maio de 2012

Esclereose Múltipla


"A esclereose múltipla interrompe os tratos nervosos.Isso leva à incapacidade e á dor."

A Esclerose Múltipla é uma doença inflamatória crónica, desmielinizante e degenerativa, do sistema nervoso central que interfere com a capacidade do mesmo em controlar funções como a visão, a locomoção, e o equilíbrio, entre outras.

Denomina-se Esclerose pelo facto de, em resultado da doença, se formar um tecido parecido com uma cicatriz, que endurece, formando uma placa em algumas áreas do cérebro e medula espinal.

Denomina-se Múltipla, porque várias áreas dispersas do cérebro e medula espinal são afectadas. Os sintomas podem ser leves ou severos, e aparecem e desaparecem, total ou parcialmente, de maneira imprevisível.

O tratamento adequado para a Esclerose Múltipla começa por manter um bom estado de saúde geral, prosseguir uma vida activa, uma alimentação equilibrada, repouso suficiente, de modo a sentir-se bem, mantendo a forma física e psíquica.

É também fundamental um programa de exercícios e ginástica muscular, na medida em que, ajuda os doentes a recuperarem dos surtos e a diminuir a tensão muscular. Exercícios de treino do equilíbrio, podem ajudar os doentes a tornarem-se mais auto-confiantes.
Para além das consequências e limitações a nível físico, inerentes à doença, são também muitas as psicológicas, para o doente e consequentemente, para o cuidador, depressões e ansiedade são as mais frequentes.

Durante muito tempo, as pessoas com esclerose múltipla (EM) foram recomendadas a reduzir a actividade física. Esse tipo de orientação permite controlar a fadiga e diminuir o risco de exacerbação dos sintomas da doença.

No entanto, a adopção de um estilo de vida sedentário aumentou indirectamente o risco de doenças cardíacas e em outras condições associadas ao sedentarismo a distúrbios característicos da EM.


"A esclereose múltipla interrompe os tratos nervosos.Isso leva à paralesia e à incapacidade de falar."

Mais recentemente, tem sido invertida essa tendência e grupos de indivíduos com EM têm-se envolvido em programas com exercícios físicos e alcançado benefícios similares àqueles obtidos por pessoas saudáveis.

O seu médico deve ser sempre consultado antes de iniciar a prática de exercício físico,de forma a poder fornecer informações preciosas acerca da progressão da doença e das especificidades do quadro clínico actual.
Poderá ainda indicar dificuldades e limitações fisiológicas peculiares de cada paciente, o que pode ser fundamental para a determinação de um programa adequado de exercícios.

A constante troca de informações com o médico deve ser mantida para que sejam realizadas as alterações adequadas sempre que necessário.
Será necessária uma avaliação da função motora. O estabelecimento de parâmetros para avaliação pode ser útil para quantificar a evolução do paciente.

Considerando as capacidades, limitações e objectivos pessoais, pode-se estabelecer o programa mais adequado de exercícios físicos.
De maneira geral, recomendam-se exercícios de volume e intensidade moderada, com sessões em dias intercalados que permitam sua adequada recuperação.


Exercícios aeróbios

As orientações do ACSM (POLLOCK et al, 1998) para a prescrição do treino aeróbio são:
• Frequência: pelo menos três dias por semana.
• Intensidade: 65 - 70% da frequência cardíaca máxima, ou 55-60% do VO2max.
• Duração das sessões: 30 minutos de actividade aeróbia contínua ou intervalada.
• Modalidade de treino: ciclo-ergometro horizontal ou vertical de pernas e braços ou natação.

Sugerem-se actividades de baixo impacto como yoga e Tai-Chi. Indivíduos com pouco ou nenhum deficit motor poderão seguir programas similares aos propostos para pessoas saudáveis.

Exercícios aquáticos

Estes exercícios são adequados para estes doentes.
O desenvolvimento das capacidades de força e resistência muscular localizada podem ser alcançados em meio aquático pela participação em aulas conhecidas, como a hidroginástica ou hidroterapia.



"A esclereose múltipla interrompe os tratos nervosos.Isso leva à incontinência, impotência e paralesia"


Fonte:
ANEM-Associação Nacional Esclereose Múltipla
Medicos de Portugal- Jornal do Centro de Saúde
Imagens - Campanha sobre Esclereose Múltipla realizada pela agência Advico Young & Rubicam (Zurique,Suiça)

* * * * * * * * * * * * * * * * *

No Sakura fornecemos terapia aplicada à ortopedia, reumatologia e neurologia melhorando a sua funcionalidade o mais rápido possível e consequentemente a qualidade de vida dos pacientes e seus familiares.
Aulas de Taichi poderão ser dadas de acordo com as necessidades específicas de cada paciente.
Para mais informações p.f. contactem-nos

917433609 - sakura.centroterapias@gmail.com

28 de maio de 2012

Nunca diga que algo é impossível...

Nunca diga que algo é impossível...
As coisas são no máximo improváveis. Nunca impossíveis!


Nunca desista antes de tentar, e, se você for se arrepender de algo, não se arrependa do que você fez, e sim do que você deixou de fazer...
Porque tentar e errar, é ao menos aprender; enquanto, que nem mesmo tentar é desperdício.
Não desperdice nenhuma oportunidade na sua vida; Afinal, a sorte não bate todo dia à nossa porta.

Tenha discernimento para saber o que é certo e o que é errado;
Tenha a sua própria cabeça; Não se deixe influenciar;
Mas saiba ouvir sempre a opinião dos outros, principalmente, saiba admitir os seus erros.

Seja humilde e fiel sempre....Fiel consigo mesmo.
Seja como for, com quem for.....
Seja com um amigo, alguém especial ou com um objetivo não importa!
Tenha fidelidade no que você acredita!

A vida é bela e as esperanças nunca devem acabar; Assim como não deve acabar o amor que existe dentro de nós .
Saiba sobreviver às tristezas; Saiba erguer-se após cada queda;
E saiba amar sem medo..Pois o medo não nos traz nada
Apenas leva!!

Ame de corpo e alma...Mesmo que depois esse amor acabe;
Aproveite cada momento; Cada segundo do seu viver!
Não deixe morrer esse anjo que há dentro de cada um de nós...
Esse anjo chamado AMOR;
Esse anjo que dá toda luz necessária para a nossa vida.
Não tenha ódio por ninguém, mesmo que desejem e façam o pior para si;
Pois, se você houver ódio, o seu escudo, que é o amor cai e então, poderão atingi-lo !

Tenha apenas piedade dessas pessoas
Pois elas poderão matar o anjo do seu interior, e se esqueceram que somos todos iguais, e merecemos respeito, carinho e felicidade.
Estamos aqui em busca da felicidade, não só da nossa, mas também dos outros....
E não é difícil encontrá-la. Está dentro de nós!
E com certeza a merecemos !!

Vamos "correr" atrás de nossos sonhos, porque sem eles, não chegamos a lugar nenhum
Temos que ir atrás do que desejamos
Toda vez que passar por um momento difícil, erga sua cabeça, olhe para o céu e diga:
Tenho fé na vida e tudo vai dar certo!

Ore e agradeça a Deus pela Oportunidade,
Pois é como dizem: "No fim, o que conta é a maneira como encaramos os desafios e os obstáculos da vida e como cuidamos dela"

21 de maio de 2012

O PODER DO AFECTO



A falta de tato para resolver conflitos e tratar de assuntos com pessoas que têm idéias opostas tem sido responsável por muitos desentendimentos e dissabores nos relacionamentos.

Por vezes, um problema que poderia ser facilmente resolvido, cria sérios rompimentos por causa da falta de jeito dos antagonistas.

O afeto, usado com sabedoria é uma ferramenta poderosa, mas pouco usada pela maioria dos indivíduos.
O mais comum tem sido a violência, a agressividade, a intolerância.
Existem pessoas que não gostam de mostrar sua intimidade e se escondem sob um véu de sisudez, com ares de poucos amigos, na tentativa de evitar aproximações que deixem expostas suas fragilidades.

São como os caramujos, os tatus, as tartarugas e outros semelhantes.
Ao se sentirem ameaçados, escondem-se em suas carapaças naturais, e não deixam à mostra nenhuma de suas partes vulneráveis.

A propósito, você já tentou alguma vez retirar, à força, de seu esconderijo, um desses animaizinhos?
Seria uma tentativa fracassada, a menos que você não se importe em dilacerar o corpo do seu oponente.
No caso da tartaruga, por exemplo, quanto mais você tentar, com violência, retirá-la do casco, mais ela irá se encolher para sobreviver.
Mas, se você a colocar num lugar aconchegante, caloroso, que inspire confiança, ela sairá naturalmente.
Assim também acontece com os seres humanos. Se, em vez da força, se usar o afeto, o aconchego, a ternura, a pessoa naturalmente de desarma e se deixa envolver.

Às vezes a pessoa chega prevenida contra tudo e contra todos e se desarma ao simples contato com um sorriso franco ou um abraço afetuoso.
Mas, se ao invés disso encontra pessoas também predispostas à agressão, ao conflito, as coisas ficam ainda piores.

Como a convivência com outros indivíduos é uma realidade da qual não podemos fugir, precisamos aprender a lidar uns com os outros com sabedoria e sem desgastes.
A força nunca foi e nunca será a melhor alternativa, além de causar sérios prejuízos à vida de relação.

Portanto, criar relacionamentos harmônicos é uma arte que precisa ser cultivada e levada a sério.
Mas para isso é preciso que ao menos uma das partes o queira e o faça.
E se uma das partes quiser, por mais que a outra esteja revestida de uma proteção semelhante a de um porco-espinho, ninguém sairá ferido e o relacionamento terá êxito.
Basta lembrar dessa regra bem simples, mas eficaz: em vez da força, o afeto. E tudo se resolve sem desgastes.


* * *

De tudo o que fazemos na vida ficam apenas algumas lições:
A certeza de que estamos todos em processo de aprendizagem...
A convicção de que precisamos uns dos outros...
A certeza de que não podemos deter o passo...
A confiança no poder de renovação do ser humano.
Portanto, devemos aproveitar as adversidades para cultivar virtudes.
Fazer dos tropeços um passo de dança.
Do medo um desafio.

Dos opositores, amigos.

E retirar, de todas as circunstâncias, lições para ser feliz.

Redação do Momento Espírita.

17 de maio de 2012

Sessões individuais de auto conhecimento



Nestas sessões individuais fazemos uma viagem ao interior, podemos tratar ou abordar qualquer assunto, questão, mal-estar físico ou emocional. Porque entendo que temos a capacidade de mudança, e sempre que algo está a acontecer no exterior, é um reflexo do que se passa no nosso interior.
“Quem olha para fora sonha, quem olha para dentro desperta” Carl Jung

Enquanto terapeuta, conduzo a sessão de forma a que a própria pessoa tome consciência dos motivos e do porquê estar nesse estado e/ou algo que a possa estar a incomodar, questionando e descobrir por si própria os passos a dar ou a direcção a tomar. Podemos ir através do método terapêutico do Teatro Dinâmico (síntese de psicodrama, constelações e xamanismo), Terapia Regressiva (Deep Memory Process), Processo de Sombra, e/ou outras técnicas, visto cada pessoa ser um ser único e individual, com as suas próprias necessidades e o seu próprio entendimento e tempo.

Em cada sessão, conforme a questão que houver no momento, trabalha-se de forma a poder auxiliar na mudança necessária para a sua vida ou questão específica, para que a pessoa se torne mais completa e assim a vida flua mais livremente, na sua forma original e com o seu maior potencial.


Cada sessão pode demorar entre uma hora e meia a duas horas


Por: Rita Alves

http://www.educacaoemocional.net/


Marcações: 917433609 - sakura.centroterapias@gmail.com

Osteoporose - A prevenção começa aos 20!

A osteoporose, doença que enfraquece os ossos, não afecta apenas as mulheres mais velhas. Segundo o ortopedista Alberto Croci, mulheres entre 20 e 40 anos também podem sofrer desse mal, porque é justamente nessa fase que se inicia um lento processo de perda de massa óssea. O grande perigo da doença precoce está num facto simples: ela é “silenciosa”.



“A osteoporose não dá sinais, e isso dificulta o diagnóstico, o que pode resultar numtratamento tardio”, alerta Croci. Mulheres que já têm casos da doença na família devem ficar ainda mais atentas e não deixar de fazer o exame que detecta a doença, a densitometria óssea.


Existem, no entanto maneiras de prevenir a osteoporose.



Consuma a quantidade ideal de cálcio
Para adultos, recomenda-se 1.000 mg por dia, o equivalente a quatro copos de 250 ml de leite. Quem não é fã da bebida pode trocá-la por iogurte ou queijos (uma fatia grossa equivale a um copo de leite). Vegetais de cor verde-escura também têm cálcio.
Além disso, a vitamina D ajuda a fixar o mineral no organismo. Por isso, coma com frequência peixe, fígado, cogumelos e gema de ovo.


Faça exames periódicos
Como a perda de massa óssea, em geral, não provoca sintomas, o diagnóstico da osteoporose é feito por meio da densitometria óssea, exame que as mulheres devem fazer a cada dois anos, após o início da menopausa. O ideal é fazer a primeira densitometria aos 20 anos e seguir as orientações do seu médico.


Pratique actividade física
As fracturas relacionadas com a perda de massa óssea estão entre as principais causas de incapacidade permanente. Mas quem pratica uma actividade física regular pode reduzir esse risco, já que alguns exercícios aumentam a massa óssea e muscular. As actividades mais recomendadas são:
· Exercícios aeróbios: caminhar, dançar.
· Exercícios de resistência: pesos livres,máquinas com peso, faixas elásticas.
· Exercícios de equilíbrio: tai chi, yoga.
· Pedalar: bicicletas comuns ou ergométricas.
 Fonte:Revista Pilates


16 de maio de 2012

MEDINDO AS RIQUEZAS DO SER HUMANO!!!



“Tenho a intenção de processar a revista "Fortune" porque fui vítima de uma omissão inexplicável. Ela publicou uma lista dos homens mais ricos do mundo, e nesta lista eu não apareço. Aparecem: o sultão de Brunei, os herdeiros de Sam Walton e Mori Takichiro.
Incluem personalidades como a rainha Elizabeth da Inglaterra, Niarkos Stavros, e os mexicanos Carlos Slim e Emilio Azcarraga.
Mas eu não sou mencionado na revista.

E eu sou um homem rico, imensamente rico. Como não? vou mostrar-vos:
Eu tenho vida, que eu recebi não sei porquê, e saúde, que conservo não sei como.

Eu tenho uma família, esposa adorável, que ao me entregar sua vida me deu o melhor para a minha; filhos maravilhosos, dos quais só recebi felicidades; e netos com os quais pratico uma nova e boa paternidade.

Eu tenho irmãos que são como meus amigos, e amigos que são como meus irmãos.

Tenho pessoas que sinceramente me amam, apesar dos meus defeitos, e a quem amo apesar dos meus defeitos.

Tenho quatro leitores a cada dia para agradecer-lhes porque eles lêem o que eu mal escrevo.

Eu tenho uma casa, e nela muitos livros (minha esposa iria dizer que tenho muitos livros e entre eles uma casa).

Eu tenho um pouco do mundo na forma de um jardim, que todo ano me dá maçãs e que iria reduzir ainda mais a presença de Adão e Eva no Paraíso.

Eu tenho um caõ que não vai dormir até que eu chegue, e que me recebe como se eu fosse o dono dos céus e da terra.

Eu tenho olhos que vêem e ouvidos para ouvir, pés para andar e mãos que acariciam; cérebro que pensa coisas que já ocorreram a outros, mas que para mim não haviam ocorrido nunca.

Eu sou a herança comum dos homens: alegrias para apreciá-las e compaixão para irmanar-me aos irmãos que estão sofrendo.

E eu tenho fé em Deus que vale para mim amor infinito.

Pode haver riquezas maiores do que a minha?
Por que, então, a revista "Fortune" não me colocou na lista dos homens mais ricos do planeta? "


E você, como se considera? Rico ou pobre?
Há pessoas pobres, mas tão pobres, que a única coisa que possuem é ... DINHEIRO.

Fabuloso texto escrito por Armando Fuentes Catón, jornalista mexicano

Felicidade



O caminho para a felicidade não é reto.

Existem curvas chamadas EQUÍVOCOS,

Existem semáforos chamados AMIGOS,

Luzes de cautela chamadas FAMÍLIA,

E tudo se consegue se tens: um estepe chamado DECISÃO,

Um motor poderoso chamado AMOR,

Um bom seguro chamado ,

Combustível abundante chamado PACIÊNCIA,

Mas acima de tudo um motorista habilidoso chamado DEUS!

A vida me ensinou que as pessoas são amigáveis, se eu sou amável,

Que as pessoas são tristes, se estou triste,

Que todos me querem, se eu os quero,

Que todos são ruins, se eu os odeio,

Que há rostos sorridentes, se eu lhes sorrio,

Que há faces amargas, se eu sou amargo,

Que o mundo está feliz, se eu estou feliz,

Que as pessoas ficam com raiva quando eu estou com raiva,

Que as pessoas são gratas, se eu sou grato.

A vida é como um espelho: se você sorri para o espelho, ele sorri de volta.

A atitude que eu tome perante a vida é a mesma que a vida vai tomar perante mim.



"Quem quer ser amado, AME"

15 de maio de 2012

Hora de me Renovar! - 19 Maio


19 MAIO 
14H – 16H
Sakura Chaves

Fechar ciclos! 
Arrancar o mal pela raíz, afastar o que me faz mal. Daqui para a frente , só o que me faz bem por perto.
Nada que me prenda , que me maltrate, que me sufoque,que me ponha para baixo. 
Nem que doa isto vai mudar.Estou a precisar de sacudir a poeira, de começar de novo.
Menos máscaras, mais leveza.
Respirar fundo e tentar ser feliz.

Hora de me renovar!




Talvez  pense que está a deixar de viver muitas coisas, mas talvez não esteja.

Você pode nem acreditar, mas neste momento existe alguém que gostaria de estar exatamente no seu lugar.

Tudo bem, talvez você não tenha a família perfeita ou o emprego dos seus sonhos. O lugar em que vive pode não ser o melhor lugar do mundo, talvez nunca tenha feito algo que você realmente quis ou que fosse significante, mas lembre-se: você sempre pode mudar isso. É uma questão de escolha – e toda escolha demanda sabedoria.

Muitos dos problemas familiares não são, necessariamente, um problema familiar, mas um problema de sabedoria. Às vezes falta tato e maturidade para lidar com determinadas situações.

Muito do sentimento de vazio que porventura te assalta também é um problema de sabedoria: falta discernimento para compreender e reconhecer o bem que há no seu estado e, acredite, você ama o lugar em que você vive, por mais que isto não pareça verdade.

Aquele desejo enorme de voar... tanto céu, tanto ar, também é apenas mais um problema de discernimento: podemos voar, não há correntes a amarrar os teus pés...

Mas toda escolha tem suas desvantagens e você precisa ter "estofo" para elas. Se você decide não voar por qualquer coisa que você supõe que te prenda, lembre-se, isto também é escolha sua, e se não te faz feliz inicialmente, esforce-se para ser feliz durante e finalmente.

Quando reflectimos ganhamos perspectiva - perspectiva que nos pode indicar qual o comportamento e escolhas que devemos fazer/ter .

Isso nos fará mais conscientes, em cada situação, de quais acções podem ser coerentes com o sentido da nossa vida e quais destoam completamente

Destinatários: Todos os que procurem analisar e reflectir sobre a sua vida, encontrar soluções, especificar objectivos de vida e criar um plano de acção e analisar relações com os outros.

Contribuição: 15€

Informações/Inscrições:
sakura.centroterapias@gmail.com - 917433609 - 276  333328

Urbanização da Formiguinha, Bloco 4 - Loja I - Chaves



Workshop Teatro Dinâmico

Workshop de Teatro Dinâmico - Qual é a tua história?





7 de Junho das 14 às 19H, no Sakura em Penafiel

Conta a tua história e através do Teatro Dinâmico descobre-te... uma tarde para explorarmos as dinâmicas escondidas no nosso interior, vamos pelo corpo, pelas emoções, sensações físicas, por mim, por ti e pelo outro... e abre-se espaço à descoberta sem limitações, desfazendo as crenças que residem no inconsciente e que a mente acredita serem verdade, aproximando-a do corpo e do ♥

Tarde aberta a qualquer pessoa que tenha vontade de se explorar e conhecer-se melhor.

Contribuição , 20 €, depósito de 50% na inscrição não reembolsável.

O numero mínimo de participantes para que o trabalho possa fluir é de 6 pessoas e máximo de 10, confirma a tua presença até dois dias antes da data marcada. 
Usar roupa confortável e levar um bloco para apontamentos e caneta.


Para inscrições e/ou mais informações contactar, 
917433609 / sakura.centroterapias@gmail.com ou 
Rita 919872983 /ritajsalvesgmail.com


Dia Aberto - 27 Maio - Penafiel

É com muito gosto que vos convidamos para mais um Dia Aberto de Terapias, no qual poderão usufruir de algumas terapias por um preço simbólico.
Desta vez em Penafiel, a decorrer no próximo dia 27 de Maio entre as 10h30 e as 19h (por marcação).

Sejam bem-vindos :)
♥ TERAPIAS - 25€ ( inclui as 3 sugestões terapeuticas)


* Tai Chi e Chi Kung Terapeutico - Adultos e Crianças
* Massagem de Relaxamento caso o tempo permita as massagens serão feitas ao Ar Livre
* Reflexologia


Por marcação. 10h30-19h


* Caso o tempo permita as massagens serão feitas ao Ar Livre...ao som das águas do rio :)

MARCAÇÕES:
917433609 | sakura.centroterapias@gmail.com

Local: Sakura Penafiel
Lugar dos Moinhos - Milhundos - Penafiel

Agradecemos se puderem partilhar esta informação com quem sintam que possa beneficiar destas actividades ♥

Carta do Futuro - 2070

Carta escrita em 2070 contando como é a vida na terra, após a falta de atenção da humanidade para o que o meio ambiente suplicava...

O futuro é resultado do que fazemos hoje....E hoje podemos fazer algo!!!!

Autor do Slide: Ria Ellwanger
Música: Pain Of Salvation- Vocari Dei



11 de maio de 2012

Reflexologia - 12 Maio - Chaves


12 Maio - Do Pé para a Mão! 

Reflexologia - Venha experimentar !

11h30 - 16h30

Marcações: 276 333328 - 917433609







Reflexologia : Conheça-se através dos pés


A Reflexologia trata-se da arte de curar através do toque nos pés, seguindo o princípio de que todos os órgãos do corpo, inclusive o cérebro, estão conectados através de canais de energia activados em pontos ou áreas do nosso pé

O principal objetivo é promover a homeostase ou seja o equilíbrio natural do corpo. A reflexoterapia é uma das técnicas mais eficazes para proporcionar esse equilíbrio, pois atua diretamente no sistema nervoso central, reduzindo a tensão física e mental, promovendo o estado de relaxamento.

A reflexologia baseia-se no principio de que existem áreas, ou pontos reflexos nos pés e nas mãos que correspondem a cada órgão, glândula e estrutura no corpo.

Ao trabalhar nesses pontos reflexos, reduzimos a tensão em todo o corpo.
A pressão é aplicada nas áreas reflexas com os dedos das mãos ou usando técnicas específicas, provocando mudanças fisiológicas no corpo, na medida em que o próprio potencial de cura do organismo é estimulado. Dessa maneira, os pés podem desempenhar um papel importante para conquistar e manter uma saúde melhor.

O nosso sistema nervoso possui uma rede de fibras nervosas que interligam o Cérebro a praticamente todas as partes do corpo. Estas interagem ao cérebro funções vegetativas, equilíbrio motor e as mais diversas sensações.
Nos nossos pés há milhares de terminações nervosas livres que sensibilizam as vias que farão ligação na medula até o cérebro, sede do sistema nervoso central.
Estas terminações nervosas livres modificam os estímulos de pressão ou tacto em impulsos elétricos e estes através das vias aferentes de sensibilidade chegam ao cérebro.
A reflexologia, permite a recuperação gradual do bem-estar, activando o mecanismo de cura que existe no interior de cada um de nós.

Benefícios desta técnica:

- Relaxa o corpo, a mente e o espírito;
- Normaliza as funções corporais;
- Melhora a circulação sanguínea;
- Melhora a comunicação nervosa;
- Aumenta as capacidades do sistema imunitário;
- Alivia a dor;
- Trata a pessoa no seu todo.


Como é aplicada?

De modo muito simples: o terapeuta aplica, com suas próprias mãos (sem a utilização de qualquer instrumento) a massagem terapêutica em seus pés.




Consultas - Drª Cláudia Carvalho

10 de maio de 2012

Dharma ou Propósito de Vida - 20 Maio

Todos nós temos um propósito. Algo que faz parte da nossa essência, que dá sentido à nossa existência.

É o que nos indica o caminho a seguir, entre tantos que se apresentam.
Um propósito é maior do que a sua personalidade, do que suas crenças e do que você aprendeu com as outras pessoas e com o mundo sobre si próprio. É o que permite o desenvolvimento do seu potencial e o leva a fazer diferença no mundo.

Um propósito claro é a fonte da felicidade, do brilho, da paixão e da realização interior. Sem isso não há como traçar um caminho para a realização pessoal.

Pessoas que bloqueiam a consciência do seu propósito correm o risco de viverem vidas sem sentido, como um barco à deriva, sem porto de chegada.

Quando você está a cumprir seu propósito de vida, o trabalho deixa de ser trabalho, e torna-se prazer, e você diverte com o que outros chamam de trabalho. Porque o que está a fazer é expressar seu potencial no mundo.
Não há dinheiro, sucesso, beleza que valha mais do que isso.
Ao ter senso de propósito você para de se preocupar com a vida. E se ocupa com o presente, vivendo a alegria de estar aqui e agora.

Um workshop interactivo de profunda busca.
Paul Milhazes

20 MAIO - 14H

Local: Sakura Centro Terapias -Penafiel
Inscrições: sakura.centroterapias@gmail.com - 917433609
Contrbuição: 15€



CONVERSANDO COM DEUS



Na primavera de 1992 -lembro-me de que foi perto da Páscoa - um extraordinário fenómeno ocorreu na minha vida.
Deus começou a falar contigo. Por meu intermédio.

Deixa-me explicar.

Naquela época eu estava muito infeliz, pessoal, profissional e emocionalmente. Minha vida parecia ser um fracasso em todos os níveis. Como durante anos tivera o hábito de colocar os meus pensamentos em cartas (que raramente enviava), peguei o meu bloco amarelo de papel almaço e comecei a transcrever minhas emoções.

Então, em vez de outra carta para outra pessoa que eu imaginava que estava me vitimando, achei que deveria ir direto à fonte; ao maior vitimador de todos. Decidi escrever uma carta para Deus.

Foi uma carta impulsiva, rancorosa, cheia de confusão, distorções e críticas - e um monte de perguntas feitas com irritação.

Por que a minha vida não dava certo? O que era preciso fazer para que desse certo? Por que eu não conseguia ser feliz nos relacionamentos? Continuaria sempre tendo problemas financeiros? Por fim - e mais enfaticamente - O que eu tinha feito para merecer ter uma vida tão difícil?

Para minha surpresa, quando escrevia a última das perguntas amargas e irrespondíveis e me preparava para por de lado a caneta, minha mão permaneceu fixa sobre o papel, como se mantida ali por uma força invisível. De repente, a caneta começou a mover-se sozinha. Eu não tinha a menor noção do que iria escrever, mas uma idéia pareceu surgir, por isso decidi deixá-la vir. E ela veio...

Você realmente deseja uma resposta para todas essas perguntas, ou isso é apenas um desabafo?
Eu pisquei os olhos... e então minha mente deu uma resposta. Eu a escrevi também.

Ambas as coisas. É claro que é um desabafo, mas se essas perguntas têm respostas - com os diabos! - tenho certeza de que quero ouvi-las!

Você se refere aos diabos para afirmar a sua "certeza" em relação a muitas coisas. Não seria melhor referir-se ao Céu?

E eu escrevi: O que isso quer dizer? Sem perceber, tinha começado uma conversa... e eu não escrevia como se estivesse tomando ditado.

Esse ditado continuou durante três anos, e na época eu não sabia o que estava acontecendo. As respostas para as perguntas que fazia só me ocorriam depois que eu terminava de transcrevê-las e expressar os meus pensamentos. Frequentemente, vinham mais rápido do que eu podia escrever, e tinha de me apressar para evitar saltos. 
Quando ficava confuso, ou perdia a sensação de que as palavras vinham de outro lugar, pousava a caneta e interrompia o diálogo até sentir-me novamente inspirado - lamento, mas essa é a única palavra que realmente se encaixa aqui - a voltar ao bloco amarelo de papel almaço e recomeçar a escrever.

Essas conversas ainda são mantidas enquanto escrevo isto.
E grande parte delas é encontrada nas páginas a seguir... que contêm um surpreendente diálogo que a princípio coloquei em dúvida e depois pensei que tinha um valor pessoal. Agora entendo que não se dirigia apenas a mim, mas também a você e a todos os leitores deste livro. Porque minhas perguntas são suas.
Quero que você participe deste diálogo o mais rápido possível, porque o que realmente importa não é a minha história, mas a sua. Foi a história da sua vida que o trouxe aqui. É para a sua experiência pessoal que este livro é importante. Caso contrário, você não estaria aqui agora.

Então vamos participar do diálogo com uma pergunta que fiz a mim mesmo durante muito tempo: Como e com quem Deus fala? Quando a fiz a Ele, eis a resposta que recebi:

Eu falo com todo mundo. O tempo todo. A pergunta não é com quem falo, mas quem
ouve?


Intrigado, pedi a Deus para explicar melhor. Ele disse:

Em primeiro lugar, vamos substituir o termo falar pelo comunicar. É muito mais exato e completo. Quando tentamos falar um com o outro - Eu com você, você Comigo, enfrentamos imediatamente a incrível limitação das palavras. Por esse motivo, não me comunico apenas através de palavras. Na verdade, raramente faço isso. Minha forma mais comum de comunicação é através do sentimento.

O sentimento é a linguagem da alma.

Se quiser saber o que é verdade para você em relação a alguma coisa, veja como se sente em relação a ela.

Às vezes é difícil descobrir os sentimentos -e, com freqüência, ainda mais difícil admiti-los. Contudo, oculta em seus sentimentos mais profundos está a sua maior verdade.


O truque é entrar em contato com esses sentimentos. Eu lhe mostrarei como. Novamente. Se quiser.

Eu disse a Deus que queria, mas que nesse momento preferia uma resposta completa para a minha primeira pergunta. Ele continuou:

Eu também me comunico através do pensamento. Pensamento e sentimentos não são a mesma coisa, embora possam ocorrer ao mesmo tempo. Quando Eu me comunico através do pensamento, freqüentemente uso imagens e figuras. Por isso, os pensamentos são mais eficazes do que as palavras como meios de comunicação.

Além de sentimentos e pensamentos, também uso o veículo da experiência como um importante comunicador.

E finalmente, quando os sentimentos, os pensamentos e a experiência falham, uso palavras. As palavras são de fato o comunicador menos eficaz. São mais sujeitas a erros de interpretação e compreensão.

E por que isso ocorre? Devido ao que as palavras são. As palavras são meramente expressões orais: ruídos que representam sentimentos, pensamentos e experiência. Símbolos. Não são a Verdade, a coisa real.

As palavras podem ajudá-lo a entender algo. A experiência lhe permite saber. No entanto, há algumas coisas que você não pode experimentar. Por isso, Eu lhe permiti outros meios de saber. E estes se chamam sentimentos. E também pensamentos.

O mais irônico aqui é que todos vocês têm dado muita importância à Palavra de Deus, e pouca à experiência.

De fato, vocês valorizam tão pouco a experiência que quando a sua experiência de Deus difere do que ouviram sobre Ele, automaticamente a rejeitam e se fixam nas palavras, quando deveriam fazer o contrário.

Sua experiência e seus sentimentos em relação a alguma verdade representam o que efetiva e intuitivamente sabem sobre ela. As palavras só podem tentar simbolizar esse conhecimento, e freqüentemente o confundem.

Então, esses são os meios pelos quais Eu me comunico; mas não são métodos, porque nem todos os sentimentos e pensamentos, nem todas as experiências e palavras vêm de Mim.

Muitas palavras foram proferidas por outros, em Meu nome. Muitos pensamentos e sentimentos foram provocados por causas que não foram minhas criações diretas. Muitas experiências resultam delas.

O desafio é o discernimento. A dificuldade é saber a diferença entre as mensagens de Deus e os dados de outras fontes. Isso é uma simples questão de aplicar uma regra básica: O que vem de Mim é sempre seu Pensamento Mais Elevado, sua Palavra Mais Clara, seu Sentimento Mais Nobre. Todo o restante vem de outra fonte.

Agora a diferenciação se torna fácil, porque não deveria ser difícil nem mesmo para o aprendiz identificar o Mais Elevado, o Mais Claro e o Mais Nobre.

Ainda assim, vou dar-lhes estas orientações:
O Pensamento Mais Elevado é sempre aquele que é alegre. A Palavra Mais Clara é sempre aquela que é verdadeira. O Sentimento Mais Nobre é sempre aquele a que chamam de amor.

Alegria, verdade, amor

 Livro Conversando com Deus Cap. 1 de Neale Donald Walsch

8 de maio de 2012

Aula Aberta - Karate Do Shotokai

Vem experimentar!!

Origami Crianças - 12 MAIO


12 MAIO - OFICINA ORIGAMI INFANTIL
14h30-16h30
Local: Sakura Chaves

Custo: 10 € (c/ material incluído e manual de apoio)
Inscrições até 10.05.12
sakura.centroterapias@gmail.com - 917433609


Origami - ori (dobrar) kami (papel),
É a arte japonesa de dobrar o papel.


As crianças vão experimentar a magia de transformar aquela folha reta em um chapéu de samurai, avião, flor, coração ou outras milhares de formas.

O origami desenvolve um papel muito importante no desenvolvimento intelectual da criança, pois exige concentração, estimula a imaginação e desenvolve a destreza manual.


Além disso é muito divertido ver um simples papel quadrado transformar-se num objecto, ave ou flor com algumas simples dobras no papel.

Origami é uma arte milenar japonesa nascida há quase mil anos na Corte Imperial, onde era conhecido como um passatempo divertido e interessante. Com o passar do tempo esta arte foi transmitida ao povo que adotou-o com o entusiasmo e transformou numa arte.

O Origami é considerado um óptimo exercício para a criatividade, para a concentração, para a mente como para as mãos, porque utiliza a harmonia dos hemisférios cerebrais de maneira agradável e leve. Identificar formas, trabalhar a geometria, as cores é também auxiliar na aprendizagem. 

Com as figuras de animais e outras podem-se construir histórias, dramatizações e poemas, activando novamente a criatividade e a inovação, proporcionando momentos de alegria e bem-estar aos praticantes.

Para desenvolver a arte do Origami, o praticante necessita ter atenção e paciência,concentração e persistência, para que tendo em mãos um simples pedaço de papel, cortado com harmonia, com as dimensões correctas e dobrado de maneira que as marcas fiquem visíveis, correctas e alinhadas, ao seguir orientações ou um diagrama proposto, seja possível criar algo.

O maior encanto da arte do origami é o seu poder de transformação, pois com materiais simples e baratos é possível criar e inovar, produzindo objectos verdadeiramente encantadores.














4 de maio de 2012

Karate-Do Shotokai para Crianças

A prática do Karaté sob a orientação de instrutores qualificados traz benefícios inestimáveis para a criança, pois se fôr bem orientada e motivada, será um grande passo para o seu desenvolvimento como criança e ser humano. 
Ela aprende a respeitar, prestar atenção e relacionar-se com os outros. Relativamente ao aspecto físico, estará sempre a exercitar-se, o que lhe proporcionará um melhor desenvolvimento corporal, contribuindo para uma vida saudável em todos os aspectos.

No mundo de hoje, valores como disciplina, respeito e companheirismo são muitas vezes deixados de lado. Pai e mãe freqüentemente trabalham e, às vezes, não têm condições de ajudar a construir estes valores na criança, por não estarem sempre em contato com os filhos que, normalmente, passam seus dias em frente de uma televisão e/ou em contato com companhias inadequadas. Além disso, as escolas, em geral, priorizam o aspecto intelectual, dando menos ênfase aos fundamentos da educação moral, cujos ensinamentos estão voltados para o comportamento disciplinar e social.

A prática do Karate-Do - a arte das mãos vazias , sob a orientação de instrutores qualificados trará benefícios inestimáveis para a criança, pois se ela for bem orientada e motivada, será um grande passo para se evitar o aparecimento de certos vícios (como o uso de drogas, por exemplo), nocivos à saúde. Nesse sentido, podemos dizer que a prática correta do Karate auxilia enormemente na educação, formação e desenvolvimento da criança.
 Ela aprende a respeitar, prestar atenção e a se relacionar com os outros. Com relação ao aspecto físico, ela estará sempre se exercitando, o que proporciona um melhor desenvolvimento corporal, contribuindo para uma vida saudável em todos os aspectos.



Os benefícios da prática correta
Muitos são os benefícios que podem ser obtidos da prática correta do Karate-Do e aqui passamos a enumerar alguns deles:

1. Manutenção da saúde e fortalecimento do físico.
2. Estímulo à coragem para enfrentar obstáculos.
3. Respeito aos outros, bons costumes em relação ao meio ambiente, equilíbrio, boa postura e respiração correta, que são estimulados pelos rituais tradicionais.
4. Incentivo ao aperfeiçoamento pessoal no sentido de tentar vencer os próprios limites, como os do medo, da desconfiança, da preguiça, da indecisão, etc.
5. Empenho e dedicação, exigindo o máximo do corpo e da mente, treinando com paciência e perseverança até fazer desses objetivos um hábito.
6. Estabilidade emocional. A situação de luta colabora eficazmente para sua conquista. Qualquer descontrole de emoções tem imediata repercussão no rendimento e na performance. Por isso é preciso dedicar-se com empenho, para conseguir a necessária serenidade.

A partir dos 11 anos de idade, pode-se começar o treino de karate. Para crianças menores, é importante que aula tenha características mais lúdicas, além das noções da luta.

Recomendações aos pais
A idade mínima recomendável para iniciar a prática será aos 5 anos.
É muito importante o acompanhamento e incentivo dos pais, conversando a respeito do seu aprendizado, mas também entendendo que, como criança, os seus níveis de atividade e intensidade deverão sempre estar de acordo com a individualidade biológica e maturação.

Para melhor andamento dos treinos não interfira na aula, mesmo achando que isto ajudará o seu filho. Acredite, os instrutores estão bem informados e poderão oferecer um desenvolvimento harmonioso sem sobrecarga emocional aos pequenos atletas.

O professor logo passará a conhecer melhor cada aluno, porém informações adicionais sempre ajudarão no seu progresso.

Professor : Eduardo Lima - 2º Dan

Horários: Aulas semanais ao Sábado | 16h (inscrições abertas)
Mensalidade: 25€

Sakura - Chaves